domingo, 14 de fevereiro de 2010

Manequim 44

     Eu apenas sabia que eu tinha morrido, mas não como. Eu sempre pensei que quando morresse eu ia para o céu, mas aquilo era bem diferente do céu, era uma casa enorme, com vários diplomas e prêmios, muitas roupas de grife e uma piscina com um tobogã! Mas quando me olhei no espelho...
     -AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA!!!!! – É, eu dei esse grito que assustou até os passarinhos da varanda, eu estava gorda, cabelo liso e castanho, olhos pretos e bochechas enormes quando eu sorria.
     -O que houve? – Uma voz fina atrás de mim.
     -Quem é você?
     -Joana, e você?
-Eliana, quem mais eu seria.
     -Não, pelos seus diplomas você é Cristina. – Cristina Dakler.
     -Não, não, não! Eu sou a Eliana Futler.
     -Ei! Eu sou Amanda Futler, se você fosse a Eliana seria minha irmã.
     -Sua irmã era alta, loira, olhos azuis como o mar e adorava se lambuzar de chocolate com você?
     -Eliana? – Oh!
     -É!
     -O que houve com você?
     -Eu acho que reencarnei em outro corpo, pelo que sei eu morri há algumas semanas atrás caindo da passarela, ficando em coma e você desligando meus aparelhos.
     -Está bem, é você! Mas essa não é a nossa casa, essa casa é de Cristina Dakler, que é seu corpo agora. Você é uma famosa advogada e tem muito dinheiro, é muito inteligente.
     -Eu era linda, loira, alta, magra e burra; voltei como uma feia, morena, baixa, gorda e inteligente.
     -É, e o que você pensa fazer a respeito?
     -Vamos ver, só sei que voltei no manequim 44.
     E olhando a casa toda descobri que eu era mesmo inteligente, tinha 25 anos e era muito boa no que fazia, eu era rica e tinha um namorado, e ele era lindo, mais lindo que os modelos. E ele tocou a companhia.
     -Oi amor. – E me deu um beijo de tirar o fôlego, tinha rosas e girassóis espalhados pela varanda.
     -Feliz Aniversário! – Aniversário? Eu estava fazendo 25 anos?
     E ele entrou em casa, com o tempo tudo veio na minha cabeça, ele era um amigo de infância que tinha se apaixonado por mim, e ele era muito carinhoso, me enchia de beijos e abraços, coisa que eu nunca tive na minha outra vida; foi então que descobri que estávamos noivos, o casamento seria daqui a um mês e já tínhamos entregado os convites.
     Veio tudo em minha cabeça; a minha nova família, as coisas que eu gostava e odiava, o que eu fazia, o meu trabalho, EU ERA INTELIGENTE, isso era uma sensação muito boa! E eu aprendi a conviver com aquele corpo, não fiquei magra nem gorda, fiquei no 42, minhas roupas eram lindas e eu tinha muito bom gosto, era reconhecida pelo meu trabalho que eu fazia desde então com muito esforço.
     -Bom dia meu amor. – Luís me acordou, o meu noivo e futuro marido, depois de uma noite de amor muito boa, ele sabia o que fazer comigo para eu me sentir bem, era o cara mais perfeito do mundo. – Amanhã é o casamento, você tem que se arrumar com a Amanda. – Me deu um beijo e desceu as escadas para tomar café e resolver as coisas, ele era arquiteto e tinha sua própria firma, estava construindo a nossa casa, que neste ponto já estaria pronta.
     Desci para tomar café e encontrei Amanda, ela estava feliz por mim, mas ainda mais por eu ter deixado de ser aquela pessoa horrorosa para ser Cristina, a garota de 25 anos, inteligente com manequim 42, com coisas boas da Eliana e tudo de bom da Cristina.
     O dia do casamento foi lindo, eu estava casando com o homem da minha vida, Luís era tudo para mim, e ele sabia disso.
     -Sim.
     -Sim. – Eu disse, e ele me beijou. Não queríamos festa, queríamos apenas ser eu e ele, em Miami.
     E fomos para Miami curtir nossa lua-de-mel, que foi perfeita.
     -Eu te amo.
     -Eu te amo. – E foram as palavras mais sinceras que eu já disse na minha vida, tudo isso serviu para eu encontrar quem eu realmente sou. Eliana Futler havia morrido e Cristina Dakler só tinha começado a aparecer.

Pauta para Blorkutando, edição 73. Tema: Eu Interior.

--
Rapidinho, clica na imagem e olha. Pet do mal!

6 opiniões:

Bla Bla Bla de Garota. disse...

ADOREII o Blog!
Parabéns!
beijos
http://corujasantenadas.blogspot.com/

Rubi M disse...

Oi
adorei o Lady do seu blog, :_)
Beijo

é os quadrinho

Valentine disse...

odhdophdpohd, eu ri demais das tirinhas do calvin. gostei tbm do texto, claaro, mas... sinceramente eu não acho que foi pra pior não. ser ingeligente eh legal \o/ kkk
vlw por comentar lá, tbm to seguindo aqui :3

Gutt e Ariane disse...

Pox vida, essa reecarnação não é das piores viu, vc há de concordar com isso! rsrs... pra que ir pro céu, sendo que sua vida , que já era boa, ficou ainda melhor? rsrs. Muito bom o texto! Gostoso de se ler, flui muito bem... :D

Tudo Girl! disse...

q historia legal!
gostei ♥

to seguindo, segue tbm? *-*
http://tudogirl-byamanda.blogspot.com/

bjs :*

ㅤ ㅤ ㅤ     Ana Carolina Corrêa disse...

amei, super bacana *-*

Não seja um leitor silencioso. Comente!