quinta-feira, 6 de maio de 2010

Meus versos


   Ela é nova e inusitada
   Não há nada igual
   Brega ou descolada
   Ela é sempre natural

   O mundo perigoso
   Não esconde detalhes
   Ela é minha fortaleza
   Meu esconderijo de ataque

   Às vezes me pego olhando
   O horizonte tão infinito
   E percebo ao clarear
   Que o meu amor é mais bonito

   Não tente entender
   O que se passa na cabeça dela
   Ela é mãe
   Isso é só dela

   O mundo é complexo
   Isso porque você não conheceu a minha mãe
   A cada ideia maluca dela
   É só para depois de amanhã

   Espero o dicionário perfeito
   Que tenha a definição de mãe
   Pois o que escrevo agora
   Não é nem comparação

   Para quem eu amo tanto
   Para alguém que eu não sei descrever
   Estas simples palavras
   Parecem tudo dizer.

--
Pauta para Blogueando, 29ª Edição. Tema: Especial Dia das Mães.

P.S. Para a minha mãe, minha fortaleza em momentos de solidão. Para a menina da foto.

3 opiniões:

Jaqueline Jesus disse...

que lindo!
todas as mães merecem uma homenagem :)
a sua ficou linda *-*

Ana Carolina Lima Da Rosa disse...

Realmente mãe, é algo que é dificil de descrever :*

blogueira:* disse...

peguei o selo e coloquei no meu blog ok? beijos :*

Não seja um leitor silencioso. Comente!